Beija-flor cigano

1 de abril de 2017 § 3 Comentários

sol nascendo

No girar incessante, da roda da vida,
Contemplo esperançoso o horizonte.
No céu azul da manhã, reinicio a lida,
Com o nascer do sol e a fé na fronte.

Voo nas asas da majestosa liberdade,
Sou filho do vento, da terra, do mar.
Em qualquer paragem, há felicidade,
Inda mais numa noite meiga ao luar.

Despediu-se o sol, vem à lua, então –
Ao som do violão, danço a melodia,
Com Flor de Lis, cigana do coração…

De um caminheiro beija-flor cigano,
Que carrega no peito, amor e alegria.
Com a caravana, em Deus soberano.

Elias Akhenaton.

Onde estou?

Você está atualmente visualizando os arquivos para sábado, abril 1st, 2017 em Beija-flor Cigano.

%d blogueiros gostam disto: